Efeito da solução de armazenamento na resistência de união entre cimento resinoso e resina composta

  • Tarciane Márcia Ferreira
  • Alberto Nogueira da Gama Antunes
  • Vinícius de Magalhães Barros
  • Herbert Haueisen Sander
  • Walison Arthuso Vasconcellos
  • Ricardo Rodrigues Vaz
Palavras-chave: Cimentos Dentários. Resistência à Tração. Cimentação.

Resumo

O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito da metodologia de armazenamento na resistência de união entre um cimento resinoso e uma resina composta. A resina composta TPH foi usada para preencher um molde de silicone (10,0mm x 6,0mm), resultando em dois blocos cilíndricos. Suas bases foram polidas com lixa de carbeto de silício (#600) e aplicado o adesivo Single Bond 2. O cimento Fill Magic Dual Cement foi usado para cimentar os dois blocos de resina. Após 24 horas o conjunto foi seccionado em 15 corpos-de-prova com o formato de palitos (1.0mm2 de área de secção transversal). Para o grupo controle (Grupo I), cinco corpos-de-prova (n=5) foram aleatoriamente selecionados e testados utilizando uma máquina de Micro Tensile Tester-MTT, sob uma célula de carga de 500N e 1.0mm/minuto de velocidade. Cinco corpos-de-prova foram aleatoriamente selecionados para formar o grupo de armazenamento em água (Grupo II) e os cinco restantes designados para o grupo de armazenamento em álcool (Grupo III). Após o armazenamento de dois meses, cada corpo-de-prova foi submetido ao ensaio de tração nas mesmas condições anteriormente descritas no Grupo I. Os valores foram submetidos à ANOVA e ao teste de Tukey ao nível de confiança de 95%. Os resultados revelaram que o grupo controle (23.7± 6.7Mpa), apresentou diferença significativa em relação ao grupo armazenado em água (14.2 ± 1.6MPa) e ao grupo armazenado em álcool (8.1 ± 2.7Mpa), após dois meses, p<0,05. Não houve diferença estatisticamente significativa entre os grupos II e III de armazenamento. As duas metodologias de armazenamento foram capazes de reduzir o valor da resistência de união.

Publicado
2018-09-18
Como Citar
Ferreira, T. M., Antunes, A., Barros, V., Sander, H., Vasconcellos, W., & Vaz, R. (2018). Efeito da solução de armazenamento na resistência de união entre cimento resinoso e resina composta. REVISTA DO CROMG, 17(2), 26-31. Recuperado de http://revista.cromg.org.br/index.php/rcromg/article/view/20
Seção
Artigos